segunda-feira, 3 de junho de 2013

Dica: 10 coisas para você ter uma depilação perfeita.


Oiii meninas, tudo bem com vocês?
Hoje eu li uma reportagem no site EGO e achei muito interessante e quero postar aqui pra vocês. Sobre depilação! Dicas para se ter uma depilação perfeita.

Manchas, pelos encravados e ressecamento da pele são alguns dos inconvenientes que algumas pessoas sofrem após fazer depilação. Para deixar a sua mais eficiente e duradoura, conversamos com três badaladas dermatologistas, que trouxeram dicas indispensáveis para conseguir uma pele lisinha. Confira.

1 - Após o banho
Tomar banho imediatamente antes de depilar-se ajuda a reduzir o desconforto da depilação. Dez minutinhos de contato suave com o calor já ajudam a amaciar a pele e relaxar os folículos dos pelos. Alguns aparelhos elétricos já podem ser usados dentro do banho.
2- Esfoliação sempre!
Além de deixar a pele mais macia, a esfoliação ajuda a evitar que os pelos encravem.  Com a fricção, as células mortas são removidas facilitando o nascimento dos pelos mais finos. “Independentemente do método escolhido, aconselho o hábito de usar um sabonete esfoliante uma vez na semana e sempre hidratar a área, inclusive axilas e virilhas”, ensina a dermatologista Vanessa Metz, pós-graduada em Dermatologia pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro.
3 - Xô manchas
Depois da depilação, pode-se usar algum hidratante para acalmar a pele, mas estão proibidos produtos com álcool. “Devem-se evitar veículos alcoólicos, que são facilmente irritativos e podem levar a alergias e manchas pós-inflamatórias”, aconselha Vanessa Metz. A médica desmistifica ainda a ideia de que os cremes podem "entupir os poros". "É mito. O hidratante pode ser usado, sim, após a sessão e também entre elas", avisa.
4 - Brazillian wax
A depilação de virilha cavada, preferida das brasileiras e exportada para o mundo todo, requer vários cuidados especiais ."Depilar tudo deixa a mucosa da vagina e do ânus sem proteção  contra bactérias e fungos. Os pelos, além da estética, possuem função de barreira protetora", alerta Vanessa. A médica contraindica ceras e lâminas reutilizadas: "Se o material estiver contaminado com vírus, como da hepatite, herpes e HPV, pode transmitir a doença", avisa.
5 - Depilação segura
Para evitar cortes e infecções, nunca depile se tiver qualquer lesão: “É importante estar com a pele íntegra, sem feridas”, avisa a dermatologista Karla Assef, que cuida de clientes famosos como Xuxa e Deborah Secco. 

6 - Cuidado com a lâmina de barbear
No caso de usar lâmina, é importante escolher sempre lâminas novas. “As cegas cortam a pele mais facilmente”, adverte Karla Assef. Outra dica da dermatologista é nunca passar barbeador na pele seca: “Como o importante é fazê-la deslizar com facilidade, pode-se espalhar no corpo o que tiver à mão: sabonete, xampu, condicionador...” A dermatologista Tatiana Oddo, pós-graduada em Dermatologia pela Santa Casa, completa que não se deve deixar os aparelinhos dentro do box: "Pode acumular bactérias e fungos".
7 - A lâmina ideal
"O melhor aparelho para barbear é aquele com mais de três laminas, para que o movimento seja o mais rente possível. Existem alguns com movimentos vibratórios, que são indicados para um maior conforto e para evitar que a pele fique seca e com foliculites após o barbear", recomenda Tatiana. A médica também indica o uso de aparelhinhos com camada de gel camante para quem tem pele sensível.
8 - Aparelhos elétricos
Prático e seguro para ser usado no dia a dia, os aparelhinhos elétricos que removem os pelos pela raiz podem ser usados em praticamente qualquer área do corpo. "Até na virilha, mas devem ser evitados na área ‘cavada’, pois já se trata de uma semi-mucosa", adverte Vanessa.
9 - Atenção às alergias
Cremes depilatórios possuem alto potencial de irritação e alergias devido aos compostos químicos capazes de dissolver a haste do pelo. "Deve-se testar no antebraço, deixando o produto por cinco minutos, antes de aplicar na área desejada. E importante: nunca passe do tempo em que o fabricante do creme diz que deve ser mantido na pele", recomenda Vanessa.
10 - Nada de sol
Antes e depois da depilação, é importante evitar a exposição ao sol. "Especialmente na depilação a laser", avisa Vanessa Metz . "Como o objetivo é atingir a melanina que fica na raiz do pelo, se a pessoa estiver bronzeada, o laser já para na melanina superficial da pele e não atinge o alvo principa. E ainda pode queimar a paciente", alerta. Nos casos de depilação a laser, é recomendado evitar duas semanas antes e até uma semana depois. Nas demais técnicas, três dias antes e três depois são suficientes. O uso do filtro solar também é importante em áreas que ficaram muito vermelhas ou com casquinhas após depilação a laser, por exemplo. "Ajuda a evitar que o processo inflamatório (caso ocorra) promova a formação de uma mancha", explica.
Então, é isso meninas! Espero que tenham gostado dessa matéria. É sempre bom dicas como essas né? Quem quiser ver a matéria é só ir lá no site EGO 

Um super beijo e até o próximo post.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita e volte sempre!